Tag Archives: informações

Comunicação: a peça mais importante

23 jun

De acordo com o professor da Faculdade de Ciências da Comunicação, da Universidade Nova de Lisboa, Adriano Duarte de Rodrigues, a comunicação é peça fundamental para as guerras. “Não admira, por isso, que a fotografia, o cinema, o megafone, a telefonia, o telégrafo, a televisão tenham sido logo associados, desde os primeiros tempos ao campo militar. A história, senão a origem dos media, depende em grande parte da história das próprias armas” afirma no livro estratégias de Comunicação.

Não que eu vá falar de guerra aqui, mas sim da importância da tecnologia para a difusão de informações. Quem não se lembra da foto abaixo?

Esta e outras imagens são marcantes na história do mundo e fizeram com que algumas denúncias fossem feitas e algumas trágicas realidades, encaradas.

Desta vez, são as redes sociais juntamente com os celulares e as câmeras fotográficas portáteis que estão permitindo uma cobertura diferenciada.

A preocupação para o uso (e domínio) destas ferramentas pelos profissionais tem sido tão grande que Centro de Imprensa Estrangeira de Nova York convidou correspondentes internacionais para um workshop sobre como usar o Facebook, Twitter e LinkedIn em grandes coberturas, como a atual no Irã.

O regime de Teerã tenta bloquear a difusão destas informações, mas a rede é rápida e mais fácil de burlar (ou seria melhor dizer mais difícil de controlar?) . Ou seja, pessoas do mundo todo estão colaborando para que iranianos tenham conhecimentos de links alternativos para acessar as redes sociais e difundirem a informação.

Quem sabe, se o marco zero desta nova forma de revolução não sejam as imagens que mostram  a morte da jovem Neda Salehi Agha Soltan, que repercurtiu pelo mundo todo através do Youtube e, em seguida, pelo Twitter e pelo Facebook?

Fonte de consulta

22 maio

Descobri hoje que o Terra tem uma área de Cidadania e Serviços. O site poderia ser ótimo, mas não recebe informações e/ou atualizações

Para quem quer trabalhar na área, essa dificuldade é comumente encontrada, então não chega exatamente a decepcionar. Mas, poxa, se resolveram fazer uma área destinada ao tema por que será que não atualizam? Por que abandonaram e mantém no ar?

De qualquer forma, acabou se tornando uma fonte de consulta.

Quer conhecer? Entra aqui.